Casa / Esportes / 1ª Corrida Celíaca do Brasil em SJN é vencida pela são-joanense Bete Sabino
A são-joanense Bete Sabino vence a 1ª Corrida Celíaca do Brasil em São João Nepomuceno (Foto: Márcio Sabones)

1ª Corrida Celíaca do Brasil em SJN é vencida pela são-joanense Bete Sabino

O esporte de São João Nepomuceno em festa pela realização da 1ª Corrida da Doença Celíaca do Brasil e a vitória entre as mulheres, da corredora da equipe nativos, Elizabete Sabino da Silva, de 47 anos de idade.

A chegada de Bete muito comemorada na Praça da Estação, pois foi a vencedora entre as 68 mulheres participantes com idades de 18 a 65 anos, de diversas localidades da região, interestadual e até a belga Fin Laenen, de 19 anos.

Público acompanha a chegada dos atletas (Foto: Márcio Sabones)

Bete Sabino cumpriu os 7,3 km do percurso com o tempo de 33min 48seg, sendo 2min 50seg mais rápida que a segunda colocada, a também são-joanense da equipe Nativos, Arlene Germano da Silva, com o tempo de 36min 38seg.

“Muito feliz por vencer em casa. Foi uma prova difícil, como sempre é. Quem corre encara qualquer desafio. Duas subidas puxadas, mas conseguimos. Hoje acordei e disse para mim mesma que iria vencer e consegui. É preciso ser positiva em tudo que faz na vida. Eu acredito que isso faz toda a diferença”, relatou a campeã em entrevista.

Pódio geral feminino com o prefeito em exercício Sebastião Barbosa e a organizadora Débora Fajardo Pódio geral feminino (Foto: Márcio Sabones)

Entre os homens, o fuzileiro naval da Marinha do Brasil, Renan Luiz da Silva Marconato ficou com o melhor tempo em 24min 55seg, sendo mais rápido em 1min 31seg do corredor da equipe “Vem Correr” de Juiz de Fora, Pedro Henrique Campos Archanjo. Renan vence sua segunda corrida em São joão Nepomuceno. El também foi campeão da 1º corrida “Cidade em Ação”, em 2017.

A equipe Nativos também foi pódio no geral masculino com Marco Antônio Cândido da Silva, na quarta colocação. Entre os homens, o número de 53 atletas com idade de 15 a 67 anos.

“Muito feliz de outra vez vencer em São João. O tempo estava abafado e as subidas foram puxadas. Parabéns aos organizadores e a todos os participantes. Em junho estarei aqui para a Corrida Cidade en Ação e quem sabe conquisto o bi nesta competição”, citou o campeão masculino.

Pódio geral masculino (Foto: Márcio Sabones)

Ao todo, 121 atletas de 11 cidades (São João Nepomuceno, Juiz de Fora, Ubá, Descoberto, Goianá, Bicas, Senador Côrtes, Mar de Espanha, Rochedo de Minas, Volta Redonda (RJ) e Niterói (RJ), além da atleta Bélgica participaram da 1ª Corrida da Doença Celíaca do Brasil em São João Nepomuceno que teve a organização de Débora Fajardo Pontes, Equipe Nativos e o apoio dos Departamentos Municipais de Esportes e Cultura/Prefeitura.

“Temos que destacar também a importância do tema sugerido para esta corrida. A doença celíaca é pouco discutida no Brasil, e é causadora de doenças fatais. É preciso orientar as pessoas para este assunto, e principalmente alertar o Governo para isso”, comentou a organizadora Débora.

Clique aqui e confira os resultados (geral e por categorias)

VÍDEO DA EQUIPE NATIVOS – CORRIDA CELÍACA SJN

GALERIA DE FOTOS

(Por Márcio Sabones)

 

Sobre Márcio Sabones

Márcio Sabones
Jornalista formado pela UFJF, ator, diretor de teatro. Por dois anos foi o âncora/apresentador do Alterosa em Alerta da TV Alterosa JF. Atualmente também assina matérias no Jornal Voz de S. João.

Além disso, verifique

Plenário da Câmara lotado para ouvir a Secretária de Educação prestando esclarecimentos.

A noite de terça feira dia 22/05 foi quente na Câmara Municipal de São João …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *